Facebook 8 horas

educação parental apego seguro criando com apego criação com apego educação positiva

O apego seguro é muito importante para a qualidade da relação afetiva entre pais e filhos. Além de fortalecer a relação, protege a saúde mental dos pequenos. O foco da criação com apego são os pequenos, nas necessidades vitais das crianças.

O apego seguro defende que todas as crianças estabelecem um apego com pais e/ou cuidadores. Esse apego depende da atenção que dedicamos aos filhos, na rapidez e na eficácia com que os pais atendemos às suas necessidades, compreendendo os sentimentos da criança e dando consolo e segurança.

A maneira com que homens e mulheres interagem com seus parceiros enquanto adultos tem muito a ver com seus estilos de apego e o apego é influenciado ou desenvolvido durante a infância. 

É normal e natural que os bebês/crianças busquem suas primeiras figuras de apego como protetores quando se sentem ameaçados e nessa publicação vamos falar sobre como melhorar a relação com o seu filho e a criação com apego.

Educação parental Criando com apego

A educação parental contribui bastante para que os pais desenvolvam maneiras alternativas de lidar com os filhos. É um conjunto de técnicas de orientação aos pais sobre como educar as crianças dentro de uma perspectiva que envolve a autoeducação.

A educação parental (ou educação positiva) visa melhorar a relação entre pais e filhos, ajuda no desenvolvimento pessoal e muda a maneira como devemos tratar a todos, incluindo nossos filhos. Juntamente com o apego seguro, a educação positiva é uma maneira de ajudar os pais a superarem problemas com a educação dos filhos.

A ideia é entender o quanto destruímos psiquicamente as crianças com a educação/disciplina punitiva e passamos a atitudes mais saudáveis e imprescindíveis para o desenvolvimento neuro cerebral sadio deles. Entender sobre o desenvolvimento infantil, o porquê da criança estar tomando certas atitudes, cuidar para que as crianças tenham suas necessidades atendidas, com empatia e respeito e, o melhor ponto, ajudar as crianças a desenvolverem a autoestima, a autorresponsabilidade e a autoeducação. 

Como já falamos, o apego seguro protege a saúde mental dos pequenos. Mas o apego seguro também serve para ajudar os pais e/ou cuidadores. Essas figuras são tão importantes que muitas vezes as culpabilizamos. É importante lembrar que eles já tiveram suas próprias experiencias, e o que acontece é que talvez nunca tenham sido ensinados a agir de forma diferente.

É muito difícil para um adulto ser capaz de dar ao seu filho um apego seguro se ele ou ela tem um apego inseguro ou ansioso. É importante que os cuidadores trabalhem este aspecto, seja sozinhos ou com a ajuda de um educador parental (na Escola da Educação Positiva, formamos estes profissionais).

Criando com apego é mais que apenas criar ou se dedicar, é se conhecer, conhecer seus limites, aquilo que precisa desenvolver em você mesmo, para conseguir promover os 3 pilares fundamentais do apego seguro: sensação de constante segurança, desejo de proximidade e a regulação emocional.

Educação positiva, educação parental Criação com apego

A criação com apego envolve vários pontos que são cruciais para vocês e seus pequenos se aproximarem. Mais do que um conjunto de práticas de aproximação, ele preconiza a responsabilidade com as necessidades das crianças e a sensação de segurança que eles precisam sentir para que seu desenvolvimento aconteça da melhor forma possível.

A educação parental baseada em apego seguro possui 8 princípios que devem ser levados em consideração:

  • Preparar-se para a gravidez, para o parto e para a educação
  • Alimentar com amor e respeito
  • Responder com sensibilidade
  • Promover o contacto físico
  • Garantir um sono física e emocionalmente seguro
  • Proporcionar cuidados amorosos consistentes
  • Praticar a disciplina positiva
  • Procurar um equilíbrio entre a vida pessoal e a vida familiar

Quer saber mais sobre educação parental, apego seguro, criando com apego e educação positiva? Entre em nosso blog.