Facebook 8 horas

O processo de desfralde infantil deve acontecer de forma natural, respeitosa e gentil para a criança. A criança é o grande protagonista nessa fase e o papel dos pais é de apenas supervisionar e apoiar os pequenos. Mas quando iniciar o desfralde?

O desfralde começa quando a criança não usa mais a fralda, ou seja, quando começa a ter períodos longos com fralda seca e, portanto, os pais já podem compartilhar com eles a oportunidade em fazer o xixi ou o cocô no vaso ou no penico. O simples desejo da criança em estar sem a fralda nada significa, uma vez que isso pode acontecer porque os pais supervalorizam o irmão (ou o primo, ou o coleguinha) que não usa fralda, e a criança se apega ao desejo de ser igual, não por capacidade de controle do esfíncter. Por isso é importante deixar que isso aconteça de forma natural, no ritmo e no tempo da criança. Essa fase é um momento em que a criança busca por mais independência.

Sabemos que a maternidade é um grande desafio e é um processo que exige muita atenção dos pais. Quando falamos de desfralde ou a idade do desfralde estamos nos referindo ao amadurecimento e ao crescimento dos pequenos e a descoberta pelo próprio corpo, percebendo mãos, pés e também as suas necessidades.

Quando iniciar o Desfralde?

Como falamos, o desfralde faz parte dos grandes desenvolvimentos da criança. Cada um dos processos de desenvolvimento da criança envolve fatores emocionais, cognitivos e motores para se concretizar e ensiná-la forçadamente por métodos duvidosos, como urinar em si mesma, humilhar, vilanizar a fralda (é para bebê, você não é mais bebê) pode provocar mais trauma do que autonomia.

O desfralde é uma fase que todas as crianças passam, porém no seu próprio tempo. Não existe uma idade precisa para fazer essa passagem, mas os especialistas afirmam que antes dos 2 anos de idade a criança ainda não tem a maturidade necessária para encarar essa mudança, e a partir de 4 anos, seja nítido os avanços, partindo da própria criança. Aos 5, ficam mais nítidos os avanços, às vezes também noturnos.

Para o desfralde natural é importante esperar os avanços naturais, considerando a idade da criança e seu amadurecimento. Toda e qualquer dica pode postergar e até mesmo atrapalhar o processo natural da criança, pois ao evitar que a criança faça xixi na cama, acabam direcionando o desrespeito por não oferecer líquidos, acordar a criança inúmeras vezes durante a noite, etc. Não caia nessa!

Desfralde Infantil – Educador parental

O educador parental pode ser uma peça importante com relação a preparar os pais para o processo de desfralde. O objetivo dele é adotar abordagens conscientes para orientar pais, responsáveis e até escolas sobre como educar as crianças dentro de uma perspectiva de respeito mútuo, autoeducação e melhoria das relações familiares.

Para o processo de desfralde os pais ou cuidadores precisam estar preparados e presentes. Devem estar cientes que escapes são ‘provas concretas’ de que a criança não desfraldou, mas busca aceitação do adulto e se esforça por uma conquista que não depende de vontade, mas de aquisições motoras, cognitivas e emocionais. Os pais conscientes devem agir com naturalidade, jamais utilizando de punições ou ´premiações´.

Com uma certa maturidade a criança começa a aprender ir ao banheiro sozinha, sentar no vaso sanitário, ficar seca por várias horas, retirar a calça e a cueca/calcinha sozinha e saber comunicar o desejo de fazer xixi ou evacuar. Este é o momento de ter mais atenção e apoiar a criança, compreendendo suas necessidades.

Bem, o processo de como tirar a fralda não segue nenhuma receita ou metodologia. Deve-se esperar o tempo da criança e seu amadurecimento.

Quer saber mais sobre desfralde gentil, quando iniciar o desfralde, como começar o desfralde, educador parental e sobre como tirar a fralda? Entre em nosso blog.