Criação com apego na maternidade: amamentação e laços afetivos

Apego seguro e inseguro, vamos entender?

Na maternidade temos diversos temas a tratar, discutir e aprender. Um que gosto muito é o sobre apego seguro, ou seja, criação com apego.

Vamos entender primeiro a diferença entre apego seguro e inseguro.

O apego se refere ao vínculo que a criança tem com seus pais como fonte de referência desde a primeira fase da vida. No entanto, o tipo de apego pode levar a uma ligação saudável ou então, ao contrário, a um vínculo instável marcado pela ansiedade. Assim se reflete o apego seguro e o inseguro.

O apego na maternidade faz referência de modo direto com essa proximidade marcada pelo amor, ou seja, é o amor e o desejo de ser amado que faz com que exista uma ligação fundamental e tão importante para o desenvolvimento infantil. Um contexto de estabilidade emocional faz a criança crescer com inteligência emocional, alegria e ilusão. Graças à atitude generosa do pai e da mãe, as crianças recebem um carinho especial. Deste modo, a criança sabe que suas necessidades são levadas em conta, se sentindo importante e desenvolvendo laços afetivos.

Já o apego inseguro na maternidade pode ser considerado como desapego, que não gera laços afetivos no desenvolvimento infantil, e se caracteriza pela criança que deixa de ser ouvida em suas necessidades. Esta experiência faz com que a criança chegue à fase adulta e experimente uma sensação de abandono e exílio, deixando feridas em sua autoestima e criando uma desconfiança de vínculo com os demais.

Este tipo de apego inseguro é resultado do comportamento dos pais que incentivaram a independência dos filhos desde cedo, ou seja, não está de acordo com a idade vital da criança. Por exemplo, os pais podem minimizar o significado do choro da criança com a crença de não mimá-la em excesso.

Vale destacar que quando uma criança vive um apego inseguro não significa que seus pais não lhe queriam, acontece que há comportamentos do ponto de vista pedagógico que podem ser melhorados por não haver uma empatia real com as necessidades presentes da criança. O que aprende uma criança quando é questionada e não sabe o que fazer? Aprende a reprimir seus sentimentos.

A relação entre amamentação e apego seguro

A amamentação proporciona laços afetivos, trata-se de um momento de união entre mãe e filho. No entanto, existem muitas mães que não conseguem amamentar. Vale ressaltar que não devem se culpar, pois as oportunidades de criar vínculo com seu bebê são infinitas.

O mais importante para o apego seguro é estar com seu filho, alimentando-o de alguma maneira que nem sempre será no peito. Alimentando ou amamentando com presença, amor e afeto.

{"@context":"https://schema.org","@type":"NewsArticle","mainEntityOfPage":{"@type":"WebPage","@id":"https://8horas.com.br/o-que-metodo-busquet-e-qual-sua-relacao-com-o-corpo-dos-bebes/"},"headline":"Criação com apego na maternidade - amamentação e laços afetivos","image":["https://8horas.com.br/wp-content/uploads/2019/06/criacao-com-apego-maternidade-amamentacao-dest-300x300.jpg"],"datePublished":"2019-06-26T08:00:00+08:00","dateModified":"2019-06-26T09:20:00+08:00","author":{"@type":"Person","name":"8 Horas"},"publisher":{"@type":"Organization","name":"8 Horas","logo":{"@type":"ImageObject","url":"https://8horas.com.br/o-que-metodo-busquet-e-qual-sua-relacao-com-o-corpo-dos-bebes/"}},"description":"A criação com apego pode ser exercida na maternidade por meio da amamentação, a fim de criar laços afetivos com o bebê."}

Segredos para o bebê dormir melhor!

Queremos sempre ‘desvendar’ o porque de nosso filhos não dormirem bem, mas estamos mesmo atentos ao ambiente do quarto? Será que é propício ao bom sono do bebê?

Você tem dado atenção à temperatura do quarto do seu filho durante a noite? É muito quente ou muito frio? É aquele que pega todo o sol da tarde e acaba ficando mais quente que o resto da casa ou não pega sol hora nenhuma e acaba ficando frio? A temperatura influencia muito na qualidade do sono. Não podemos estar sentindo nem frio nem calor, portanto, devemos nos atentar à qualidade do colchão (os fabricados com fibras artificiais esquentam muito) e à roupa que estamos colocando, avaliando se correspondem à temperatura do ambiente. Se necessário, avalie incluir um ventilador, ar-condicionado ou aquecedor (de quebra acabamos resolvendo junto o problema do ruído externo, afinal esses equipamentos emitem um ruído que isola o ruído da casa!).

E quanto à dluminosidade do quarto? Tem luzes por todo canto? Apague já! A luminosidade impede a produção e melatonina, inclusive as luzes de espera dos equipamentos eletrônicos (hora de tampar com fita isolante!).

Deixe o ambiente bem escuro, e caso precise de uma luz de apoio para se movimentar no quarto, use a luz do corredor, mas a prioridade é que não haja nenhuma luz no quartinho deles!

Já havia imaginado o quanto esses dois segredos podem melhorar a qualidade de sono deles? Então siga em frente: temperatura e luzes artificiais controladas, já!

São detalhes que parecem bobos mas fazem toda a diferença no dia a dia do bebê!

O que é o ruído branco? Playlist 8horas!

Você já parou para pensar que o ambiente do quarto pode não estar tão propício para que ele durma com mais facilidade? Devemos por princípio entender que o que nos incomoda, certamente incomoda os bebês e as crianças também. De acordo com o site ‘Parenting Science’, pesquisadores concluíram que a maioria dos problemas do sono são causados por fatores ambientais, ou seja, talvez o ambiente do quarto do meu filho não seja o ideal para propiciar o sono saudável. Será que o quarto dele é silencioso ou sofre influência do som externo? O quarto dele é fresquinho? Tem luzes demais (da câmera, luz de espera da TV, luz de apoio)? Estes são pequenos fatores que influenciam, e muito, na qualidade de sono do bebê e sobre os quais devemos ficar bastante atentos. Então vamos logo ao ponto: não adianta esperar que durmam bem se o barulho da rua é alto, ou se a casa é muito silenciosa e, qualquer que seja o ruído, repercute por todos os outros ambientes. Mas o que eu faço para que o ruído não perturbe o sono deles? Inclua no ambiente do bebê um ruído branco  – ou white noise – como o de ventiladores, ar-condicionado ou trocadores de calorou mesmo ruídos brancos fornecidos por alguns aplicativos e deixe-os ligado toda a noite, num volume baixo, porém que isole o ruído externo. Selecionei aqui um playlist perfeito para sonecas e sono noturno consistentes! Usem e abusem! 🙂 [spotifyplaybutton play=”https://open.spotify.com/user/w6n6dzoaz28fbsdg59n6haypu/playlist/3UjXbVMuwRNZcesZpRUZ1T?si=HCN8FbVlQb6egmcDsWVh7Q”/] https://open.spotify.com/user/w6n6dzoaz28fbsdg59n6haypu/playlist/3UjXbVMuwRNZcesZpRUZ1T?si=HCN8FbVlQb6egmcDsWVh7Q

WhatsApp chat